Pai conforta homem que acidentalmente atropelou sua filhinha

Infelizmente, centenas de acidentes de carro ocorrem todos os dias e, embora muitos sejam devidos à imprudência das pessoas, às vezes os motoristas não têm controle sobre os outros e, infelizmente, acabam em um trágico acidente.

Um exemplo disso aconteceu em 15 de abril de 2021 no bairro de Guaratuba, na cidade de Colombo, no Brasil, quando uma menina de 10 anos chamada Ágata foi atropelada depois de jogar e acidentalmente jogou uma bola para o outro lado da rua e quando foi procurá-la, ela foi atropelada por um veículo que passava no momento, deixando-a gravemente ferida.

A menina foi transferida do pronto-socorro para um hospital e apesar de ter sido um momento de muito estresse, nervosismo e dor, o pai de Ágata resolveu consolar o homem que havia atropelado sua filha minutos antes, pois percebeu que sua consternação era real e o homem não conseguia parar de chorar pelo que havia acontecido.

O momento em que o pai conforta o homem abraçando-o foi veiculado na mídia local, para assegurar-lhe que tudo foi um acidente e que não havia culpados nessa história.

O pai de Ágata lhe disse: “Não preciso te perdoar. Bateu na minha filha porque queria? Não. Não foi porque você queria. Foi uma fatalidade” e comentou aos demais: “Então, a única coisa que peço, do fundo do meu coração, é que rezem. Ore por minha filha, para que ela saia bem e sobreviva”.

Sugerido para si:  Mulher descobre que sua falecida mãe era professora do namorado graças a uma foto

Além disso, o pai de Ágata expressou: “Vi sinceridade em seu coração, não era hora de brigar, tínhamos que nos abraçar e nos ajudar”. Por outro lado, as autoridades afirmaram que no acidente não houve violação das leis de trânsito e mencionaram que o motorista tinha todas as normas para dirigir e estava indo na velocidade adequada.

Após a transmissão do evento, milhares de pessoas aplaudiram a atitude empática do pai, pois embora sem dúvida estivesse passando por um momento de grande angústia em que muitos outros pais teriam reagido de forma diferente, ele optou por demonstrar compaixão.

Por fim, muitos internautas refletiram que, embora os acidentes por imprudência existam todos os dias, nem sempre acontece uma reação empática como a do pai de Ágata e isso merece destaque. via:nation

Gostou do artigo?

Toque nas estrelas para votar.

Média: 5 / 5. Votos: 1

Até agora ninguém votou, vote você!

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- Publicidade -

MAIS POPULARES

Encontre os cinco Y entre os X