É por isso que às vezes a nossa orelha fica quente e vermelha

Você já deve ter ficado com a orelha vermelha e quente alguma vez na vida. Essa parte do corpo tem uma pele bastante fina e com uma grande rede de veias e micro veias, deixando-a bem avermelhada as vezes.

Existem casos que basta um processo com dilatação dos vasos para deixar a orelha com cor e temperatura alterada. Isso ocorre com a vasodilatação no local, como em outras partes do corpo.

De acordo com a medicina, as nossas orelhas têm pequenos vasos sanguíneos que se dilatam sempre, podendo se romper de uma hora para outra, o que causa a vermelhidão.

Alguns desses fatores vêm acompanhado de nervosismo, estresse, ingestão excessiva de álcool ou até remédios vasodilatadores.

É bastante comum alguém ficar com a orelha vermelha e quente e dizer “minha orelha está vermelha porque estão falando mal de mim”, já outros afirmam que isso é bom e se defendem falando que “falando bem ou falando mal, o importante é ser lembrado”, porém, apesar dessas crenças populares, isso não tem qualquer embasamento científico e o motivo para a orelha ficar vermelha é biológico.

A parece dos vasos sanguíneos, que compões a orelha, é dinâmica e podem aumentar ou diminuir de volume devido a mecanismos de controle do corpo humano, sendo que em muitos casos é para a regulagem de temperatura corporal.

Calma, se sua orelha ficar vermelha e quente, é só esperar alguns minutos ou até segundos para tudo voltar ao normal.

Sugerido para si:  12 sinais reveladores de que seu cão vive uma vida feliz

Isso comprova que os famosos ditados populares são falsos. Se você escutar mais alguém dizendo esse ditado por aí, saberá que é mentira e você pode explicar o verdadeiro motivo.

A sensação de queimação ou de vermelhidão não tem nada a ver com o que falam de outra pessoa, seja bem ou mal, mas sim é o seu corpo tentando regular alguma mudança brusca.

A nossa orelha é uma parte importante do corpo humano e que muitas vezes passa sem a atenção devida. Além de trabalhar como regulador corporal, dentro dela, no ouvido, há o labirinto, importante regulador de equilíbrio e que nos permitem ficar de pé.

Você já deve ter ouvido alguém falar que está com tontura ou labirintite, é quando são perdidas suas funções básicas por algum momento. O médico otorrinolaringologista é a especialidade que trata doenças no ouvido, nariz, boca e garganta. via:minutodenoticia


- Publicidade -

MAIS POPULARES

- Publicidade -